R$37,00

3x de R$12,33 sem juros
5% de desconto pagando com Loja Ver meios de pagamento
Entregas para o CEP: Alterar CEP
Meios de envio
Nossa loja
  • PharmaClinic -Estrada das Lágrimas, 3620 - São Paulo - De Seg. à Sex. das 8h às 19h. Sáb. das 8h às 13h.
    Grátis
Descrição

Óleo Essencial de Hortelã-Pimenta

10ml

 

O que é?

Este tipo de hortelã, é um híbrido entre a hortelã-d’água e a hortelã-verde. Seu óleo essencial tem aroma mentolado pois, possui alto teor de mentol e mentona. É um óleo multiuso, podendo-se destacar seus inúmeros benefícios como: analgésico, digestivo, expectorante e descongestionante, cefálico, estimulante da circulação, bactericida e repelente de mosquitos. Além de refrescante e revigorante também estimula a concentração e a motivação. Nos cuidados com a pele, é indicado no clareamento de manchas escuras, podendo ser usado em conjunto com a máscara de argila branca no tratamento.

Óleo Essencial com aroma de menta. Indicado para descongestionar as vias nasais, rinite, bronquite, tosse, sinusite e resfriados. Usar através de inalação e massagem. Muito usado também em massagens esportivas, pois atua nas dores musculares, inchaços, músculos cansados, revigora e dá energia física.

Suas principais características são: vasoconstritor, analgésico, anti-inflamatório, carminativo, cefálico e bactericida.
 

Sobre o Óleo Essencial de Hortelã Pimenta:

O Hortelã-pimenta é em termos terapêuticos, um dos mais importantes óleos. A planta só foi distinguida de outros tipos de menta no século XVII. Conta-se que os gregos e os romanos se coroavam com Hortelã-pimenta em seus festins, e que ele era usado para aromatizar tanto os seus molhos como os seus vinhos. Foi usado, junto com outras mentas, pelos antigos médicos gregos, e há certa evidência de que chegou a ser cultivado pelos egípcios. É cultivado em muitas partes o mundo, inclusive a Itália, EUA, Japão e Inglaterra. O Hortelã-pimenta foi a ninfa Mentha, que Plutão achou muito atraente. Perséfone, sua ciumenta mulher, perseguiu Mentha e a enfiou ferozmente no chão! Então, Plutão transformou Mentha numa deliciosa erva.

O óleo de Hortelã-pimenta não precisa de descrição, pois seu sabor e odor refrescante são familiares para todos. Não é fácil isolar as qualidades essenciais deste óleo, pois sua ação é bastante ampla; isto é confirmado por seu sabor, uma combinação de doce, amargo e azedo. Sua qualidade mais óbvia ao paladar ou quando aplicado sobre a pele é a ação refrescante; contudo, tem sido descrito como quente e secante. Na verdade, o efeito aquecedor do Hortelã-pimenta é a reação do corpo a um estímulo frio, e nisto se assemelha muito à cânfora. O mentol é seu principal ingrediente, e é responsável pela maior parte de sua ação terapêutica. Use sempre Hortelã-pimenta em vez de aspirina. Pra que seus efeitos analgésicos, sedativos e refrescantes predominem, devem ser usados grandes doses e/ou repetidas de óleo de Hortelã-pimenta.

Ele é bom tanto para distúrbios causados pelo frio como pelo calor e por isso é ideal no tratamento da maioria das febres, resfriados, gripes, etc. Sua ação sobre o sistema digestivo é muito pronunciado: é o principal remédio em todo distúrbio digestivo, inclusive a má digestão, cólica, flatulência, dor de estômago, diarreia (para qual também é um bom antisséptico). É um remédio eficiente contra náuseas e vômitos; alivia a náusea quase que instantaneamente, sendo boa também em viagens marítimas e enjoos similares. Pra dor de cabeça e enxaqueca relacionadas com fenômenos digestivos ou hepáticos, é um excelente remédio.

Neste sentido, também é útil para problemas da pele; alivia a congestão tóxica interna, age como sudorífero e, externamente, tem efeito antisséptico e anti-inflamatório. Como expectorante, refrescante, antisséptico e antiespasmódico, o óleo de Hortelã-pimenta é muito útil em distúrbios respiratórios. É muito bom para tosse seca, sendo especialmente bom contra congestão, inflamação ou infecção dos seios nasais, e para dor de cabeça congestionante. Como analgésico-emenagogo, é muito bom para dismenorréia e ainda para menstruação escassa. Aplicada externamente, alivia o seio de leite ou congestionado, prevenindo inflamações. Internamente, desestimula o fluxo de leite para o seio. Fortalece e entorpece os nervos, e, em grandes doses, faz dormir.

É valioso em muitos distúrbios nervosos, tais como palpitação, tremores e paralisia. Ajuda a quebrar cálculos da vesícula, e pode ser bom também contra os cálculos renais. Pode ser usado contra vermelhidão da pele devido à inflamação ou acne; refresca estreitando os capilares, e é um tônico bastante refrescante. Faz um óleo de banho bem revigorante e refrescante, ajudando a aliviar o corpo no verão. É repelente de ratos e mosquitos.

 

Os resultados e indicações referentes ao uso desse produto foram avaliados e comprovados pelo fabricante e por estudos que comprovam a ação dos mesmos.

 

  Modo de usar Composição Advertências  

Aromatização: Coloque de 10 a 15 gotas em 500ml de água e borrife no ambiente.
Aromatizador elétrico: Coloque entre 3 e 5 gotas em um aromatizador elétrico com água.
Aromatizador pessoal: Coloque 1 gota no colar aromático
Banho: Coloque 1 gota na bucha e massageie o corpo todo, ou 5 gotas na banheira.
Compressa: Coloque 2 gotas em 500ml de água.
Inalação: Coloque 1 gota em um lenço ou inalador com soro fisiológico ou água.
Massagem: Coloque 20 gotas de óleo essencial em 60ml de óleo vegetal.
Vaporização facial: Coloque 3 gotas em um litro de água fervente. Feche os olhos e deixe o vapor chegar ao rosto. Faça por 5 minutos. Para fechar os poros, enxague o rosto com água fria.
Uso tópico: 1 gota aplicada diretamente no local, com auxílio de hastes flexíveis.

Validade: 1 ano.

Método de extração: destilação por arraste de vapor das folhas.
Componentes químicos principais: mentol, mentona
Classificação de fragrância: mentolado
Origem: Índia
1. As indicações postas não se tratam de propaganda, e sim de descrição do produto.
2. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem utilizar o produto.
3. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
4. Não use o produto com o prazo de validade vencido.
5. Guarde protegido da luz solar e do calor excessivo.
6. Mantenha fora do alcance das crianças.
7. Evitar contato com os olhos, caso isto ocorra lavar com água em abundância.
8. Pode irritar a mucosa ocular, por isso, evite a região dos olhos.
9. Óleo indicado somente para uso externo.
10. Não deve ser usado em gestantes, lactantes e em crianças menores de 2 anos.
11. A aspiração excessiva pode causar tontura e início de síncope.
12. SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.